Bancada federal concorda em destinar R$ 170 mi para saúde a pedido de Mauro

O governador eleito Mauro Mendes (DEM) realizou a primeira reunião de trabalho com a bancada federal por Mato Grosso, em Brasília, na manhã desta terça (30). O encontro definiu que os parlamentares destinarão R$ 169 milhões das emendas impositivas para serem aplicados com exclusividade na área da saúde pública estadual.

Em contrapartida, Mauro garantiu que o Estado vai investir R$ 88 milhões, sendo R$ 8 milhões de cada parlamentar, nos hospitais regionais, sendo que cada deputado e senador desta legislatura poderá escolher para qual unidade o Estado deverá destinar o recurso. A emenda deve ser colocada no projeto de Lei Orçamentária Anual de 2019, com expectativa de empenho até maio do próximo anos.

“Fizemos uma definição de que R$ 169 milhões serão destinados exclusivamente para a saúde do Estado. Em contrapartida, o Estado vai fazer um investimento de R$ 88 milhões, sendo R$ 8 milhões para cada parlamentar para que seja investido na infraestrutura da saúde e nas áreas a serem definidas pelos parlamentares”, explicou Mauro.
O senador José Medeiros (Podemos), líder da bancada, explicou que os recursos são referentes às emendas parlamentares deste ano, que vão refletir no próximo exercício. “Foi positiva essa reunião. O governador eleito sinalizou que quer estar muito próximo da bancada federal nos próximos quatro anos”.

Esta não é a primeira vez que a bancada federal viabiliza esforços para tentar garantir melhorias na saúde pública, em Mato Grosso. Em 2017, os parlamentares também destinaram R$ 100 milhões para a compra de materiais do novo Pronto-Socorro de Cuiabá, recurso que acabou se transformando em objeto de guerra com o governador Pedro Taques (PSDB), já que este entendeu que o valor não teria sido depositado na conta do Estado com o destino combinado pelos parlamentares.

Fonte: RDNews