Neymar sobre Tuchel: “Gostamos da maneira que ele fala com os jogadores”

O Paris Saint-Germain encontrou dificuldades para bater o Rennes, neste domingo (23), em duelo válido pela sexta rodada da Ligue 1 francesa. Os donos da casa abriram vantagem e Di María só conseguiu empatar no final do primeiro tempo.

Na segunda etapa, o técnico Thomas Tuchel efetuou uma importante mudança tática: trocou o 4-3-3 para um 4-2-3-1, com Neymar novamente centralizado como um clássico camisa 10. Pouco tempo depois, o brasileiro deu a assistência para Meunier virar para os parisienses. Nos acréscimos, Choupo-Moting ampliou a vantagem para o PSG, que segue isolado na liderança, com 100% de aproveitamento.