Prefeitura de Terra Nova decreta situação de emergência após fortes chuvas que prejudicaram pontes e bueiros no interior do município

Fonte: ASSECOM

As fortes chuvas desta semana que passou acabaram por deixar muitos prejuízos para o município de Terra Nova do Norte. Em várias comunidades rurais, pontes e bueiros ficaram interditados devido o volume de água.

Na região da 9ª Agrovila, Comunidade Sagrada Família e São Francisco alguns locais ficaram alagados e com trânsito impedido. Um levantamento preliminar aponta que cerca de 2.400 alunos não puderam chegar à sala de aula.

No Rio Piranha, por exemplo, localizado na 6ª Agrovila, a água passou por sobre a ponte e arrancou o aterro da cabeceira, deixando dezenas de famílias ilhadas. As imagens aéreas mostram a quantidade de água que o rio recebeu após as fortes chuvas. O rio transbordou e a área em volta ficou alagada por uma distancia considerável em ambas as margens.

Na região da Comunidade Redenção uma ponte cedeu e o trânsito ficou interditado. Já na Comunidade São Pedro, no Rio Batistão, a chuva também prejudicou o aterro e se tornou um risco para os moradores que precisavam passar de um lado para o outro.

Após um levantamento de toda a situação em virtude das chuvas, o Prefeito Valter Kuhn decretou situação de emergência no município e encaminhou o levantamento para a Defesa Civil Estadual e Federal.

O levantamento completo de todos os locais atingidos ainda está sendo concluído, mas pelo menos 8 pontes e bueiros precisam de uma atenção urgente para recuperá-los.