Seduc repassa R$ 40 milhões às escolas estaduais para alimentação dos alunos

Fonte: Seduc-MT

As escolas da rede estadual receberam nesta terça-feira (22.10) a oitava parcela do recurso estadual destinado para a alimentação escolar, no valor de R$ 1,9 milhão. No total, em 2019, foram oito parcelas estaduais e oito parcelas federais do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), que somam R$ 40,5 milhões.

O valor foi depositado nas contas dos respectivos Conselhos Deliberativos das Comunidades Escolares (CDCE) e do montante, R$ 15,9 milhões são recursos estaduais e R$24,6 milhões, são do Governo Federal.

O valor pago para a alimentação escolar é calculado de acordo com o número de alunos matriculados na unidade e leva em conta também a faixa etária e a modalidade de ensino. Os recursos financeiros apurados são transferidos em até dez parcelas por ano e destinados para a aquisição exclusiva de gêneros alimentícios para preparo da alimentação escolar.

Atualmente, a rede estadual de Mato Grosso conta com 768 unidades escolares e serve 413 mil refeições diárias. Nas escolas plenas, cujo ensino é integral, são servidas três refeições, assim como nas escolas especiais. As creches, por sua vez, servem cinco refeições.

Os cardápios da alimentação escolar são elaborados pela equipe de nutricionistas da Seduc, utilizando gêneros alimentícios básicos. O cardápio respeita as referências nutricionais, os hábitos alimentares, a cultura alimentar da localidade e a sustentabilidade, sazonalidade e diversificação agrícola da região e na alimentação saudável e adequada.

Os cardápios atendem também aos alunos com necessidades nutricionais específicas, tais como doença celíaca, diabetes, hipertensão, anemias, alergias e intolerâncias alimentares, dentre outras.