Vereadores discutem e trocam socos e empurrões durante sessão na Câmara de Peixoto de Azevedo (MT)

Fonte: G1 MT

Dois vereadores brigaram durante uma sessão na Câmara de Peixoto de Azevedo, a 692 km de Cuiabá, e trocaram socos e empurrões nessa segunda-feira (10). Nilmar Nunes de Miranda (DEM), conhecido por Paulistinha, e Joranir José Soares (PPS), registraram boletins de ocorrência um contra o outro e devem ser ouvidos pela Polícia Civil.

Segundo o vereador Nilmar, Joranir o ameaçou e deu um murro no rosto dele após ele ter feito uma brincadeira com o vereador.

“Cheguei na câmara e falei para ele que havia ligado e ele não atendeu, perguntei em tom de brincadeira e ele já se levantou nervoso, bateu na mesa e me empurrou. Começamos a discutir e ele me agrediu com um soco”, contou.

Nilmar disse que, em seguida, Joranir saiu do local rapidamente, sem que ele tivesse reação.

Por outro lado, o vereador Joranir conta que Nilmar gritou com ele ao chegar na sessão e que ele exigiu que o vereador o respeitasse. Em seguida, foi empurrado e ameaçado.

“Ele gritou perguntando o porquê não compareci em uma reunião, eu respondi, mas ele continuou falando alto na frente de todos. Pedi que ele se aproximasse e perguntei o que estava acontecendo e ele me empurrou, quase caí. Quando voltei, ele veio para cima de mim”, declarou.

De acordo com Joranir, Nilmar ainda teria perguntado em tom de ameaça: “você tem amor por suas filhas?”. Além disso, o vereador disse que Nilmar rasgou o terno que ele usava.

Joranir disse que não tinha intenção de brigar, ficou preocupado com as ameaças e procurou a polícia.

Já Nilmar afirmou que eles já discutiram outras vezes e que ficou surpreso com a atitude do parlamentar.

A briga dos vereadores foi separada por outros parlamentares presentes na câmara. A sessão, que era a última antes do recesso parlamentar, foi suspensa.

A Câmara Municipal informou que ainda não vai se posicionar sobre o caso.